Seguidores

quinta-feira, 2 de março de 2017

PRF registra redução de 73% no numero de mortes durante Operação Carnaval 2017


Mais de 1800 imagens por excesso de velocidade foram registradas e cerca de 2500 pessoas foram sensibilizadas através de ações educativas

Entre os dias 24 de fevereiro a 1º de março, a Polícia Rodoviária Federal (PRF) intensificou a fiscalização, o policiamento e as ações de educação para o trânsito, durante a Operação Carnaval 2017 em Pernambuco. Nesse período, foram registrados 72 acidentes, que deixaram 57 feridos e três pessoas mortas. No ano passado, foram verificados 86 acidentes, com 73 feridos e 11 óbitos. Isso representa uma redução de 14% na quantidade de acidentes, de 22% no número de feridos e de 73% nas mortes.

O acidente mais grave ocorreu por volta das 4h45 da manhã de segunda-feira (27), na BR 232, em Pombos, no Agreste pernambucano. Um veículo colidiu contra o paredão de rochas que fica às margens da rodovia, capotou e pegou fogo. O motorista do carro, de 42 anos, teve o corpo carbonizado e faleceu no local. 
  
Durante a operação, 6.780 pessoas e 6.217 veículos foram fiscalizados, sendo emitidos 2.295 autos de infração por diversas infrações ao Código de Trânsito. Entre elas, destacam-se 109 autuações por ultrapassagens em local proibido, 73 pelo não uso do cinto de segurança, 24 pela falta do capacete e sete pela ausência do dispositivo de retenção para crianças.

Além das autuações registradas, o excesso de velocidade foi a principal infração verificada nos comandos de fiscalização, com 1.875 imagens de radar captadas, inclusive com o flagrante de motoristas trafegando a 170 km/h. Quem dirige com a velocidade 50% acima do permitido para a via, está sujeito a uma multa de R$880,41, sete pontos na Carteira de Habilitação e suspensão do direito de dirigir.

No combate à alcoolemia, foram realizados 2.023 testes com o bafômetro, sendo emitidas 60 autuações e presas quatro pessoas pela mistura de bebida e direção. Durante as fiscalizações, também foram recolhidos 87 Certificados de Registro e Licenciamento de Veículo (CRLVs) e 53 Carteiras Nacionais de Habilitação (CNHs), além de serem recolhidos 131 veículos por diversas irregularidades.

O combate à criminalidade contou com o apoio do Núcleo de Operações Especiais e dos Grupos de Policiamento Tático, Operações com Cães e Motociclismo da PRF. Ao todo, sete pessoas foram presas, por crimes como receptação, uso de documento falso e com mandado de prisão em aberto. Além disso, foram recolhidos 20 animais que estavam soltos às margens das rodovias e realizadas seis missões com o uso do helicóptero, através das equipes da Base de Operações Aéreas da PRF e do SAMU. 

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Comente aqui!
Lembre-se: comentários com acusações, agressões, xingamentos, e que citem nomes de familiares de quem quer que seja, não serão publicados.

Opine com responsabilidade!

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...