Seguidores

sexta-feira, 28 de abril de 2017

Capoeirense Presidente do TRT-PB diz que Temer é ilegitimo; sua fala virou notícia em todo país

Servidores do TRT acreditam que reforma seja pontapé para acabar com Justiça do Trabalho

Protesto em frente ao Fórum Trabalhista do Shopping Tambiá, na manhã desta sexta-feira (28), dia de Greve Geral de várias categorias no Brasil, reuniu juízes, servidores, advogados e jurisdicionados. O presidente do Tribunal Regional do Trabalho na Paraíba, Eduardo Sérgio, presente no local, detonou o governo Temer e a reforma trabalhista proposta pelo mesmo.

"Os direitos trabalhistas são a razão de ser da Justiça do Trabalho e esse governo quer surrupiar na calada da noite. Esse governo ilegítimo, que assumiu o comando do governo de forma arbitrária. Os direitos trabalhistas são garantidos desde o governo Getúlio, garantias dos cidadãos, que agora não podem ser surrupiados", disse Eduardo, completando que "a reforma Previdenciária está a serviço dos bancos, do capital financeiro nacional".

O servidor federal e coordenador geral do Sindijuf-PB (Sindicato dos Trabalhadores do Judiciário Federal no Estado da Paraíba) e Fenajuf (Federação Nacional dos Trabalhadores do Judiciário Federal), Marcos Santos, foi mais radical em sua fala: "Somos da conciliação, mas se quiserem ir para a porrada vamos".

Os manifestantes presentes no local, que chegaram a interditar a via, com apoio dos motoristas que realizaram buzinaços, acreditam que a reforma aprovada é o pontapé inicial para acabar com a Justiça do Trabalho e que a reforma trabalhista rasga a CLT e a própria Constituição.


A opinião do Desembargador foi notícia em sites e blogs de notícias no Brasil todo.

(O Desembargador Eduardo Sérgio de Almeida é capoeirense, filho de Euclides Almeida (in memoriam) e de dona Maria das Neves; e irmão dos nossos amigos Junior e Roberto Almeida).

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Comente aqui!
Lembre-se: comentários com acusações, agressões, xingamentos, e que citem nomes de familiares de quem quer que seja, não serão publicados.

Opine com responsabilidade!

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...